Outras nádegas

 

quinta-feira, junho 05, 2008

Eu gosto muito dele porque me faz lembrar de coisas boas. Bons filmes, boas músicas, boas piadas, ótimas sacanagens...
Eu gosto muito dele porque me faz lembrar que caminhar é bom, tomar vinho é relaxante e a melhor coisa é estar ligeiramente embriagado e não totalmente sóbrio...
Eu adoro porque eu me sinto tão agradável, tão segura, sem excessos, sem tentar, sem me desculpar, sem ter que explicar...
Ele me deixa discordar, não tenta me convencer, não faz questão de se mostrar...
Eu gosto muito mesmo dele porque não me deixa esquecer a pior burrada da minha vida e me faz lembrar que eu posso deixar na minha história sem nenhum constrangimento...
Hoje cada contato do meu celular me lembra o melhor guitarrista de todos os tempos Ry Cooder e de um dos poucos filmes que destaca, sutilmente, como é importante que eu seja tão desajeitada e imperfeita, para que a gente continue sempre juntos.
Eu gosto muito dele porque não preciso entender "o ser humano complexo" que ele é.
Eu gosto de você.


Eu poderia escrever algo sobre o meio ambiente.
Eu tô de consciência limpa, agora levando-se em conta o novo ministro do meio ambiente eu acho que a coisa vai feder mais que já fede.
É isso!


link | posted by Simy at 8:08 PM |


1 Comments:

Blogger Fernando Henrique commented at julho 09, 2008 11:12 PM~  

Ou é o efeito das noites que tenho trabalhado até as altas horas e que condenam meus olhos e meu cérebro diante de escritos subjetivos demais como é o seu blog (e você por inteira); ou realmente você não está só.

Want to Postar um comentário?

powered by Blogger