Outras nádegas

 

quinta-feira, abril 05, 2007

O Questionário Proust - Milton Ribeiro

"só gostaria de responder esta pergunta: "Se depois de morto tivesse de voltar, em que pessoa ou coisa retornaria?". Simy"

Isto está lá na caixa de comentários do Milton.
E em uma certa altura de "Em busca do tempo perdido" encontrei a minha resposta, coincidência ou não.
Segue:
"E foi também naquele momento que fiquei sabendo que as mesmas impressões não se produzem simultaneamente, em uma ordem preestabelecida, em todos os homens. Mais tarde, cada vez que uma leitura um pouco longa me pusera em disposição de conversar, o camarada a quem eu ardia por dirigir a palavra acabava justamente de entregar-se ao prazer da conversação e desejava agora que o deixassem ler em paz. Se eu acabava de pensar ternamente em meus pais, tomando as decisões mais sensatas e mais adequadas pra lhes causar satisfação, haviam eles empregado o mesmo tempo em tomar conhecimento de algum pecadinho que eu já esquecera e que me censuravam severamente no momento em que eu corria a beijá-los."

Em uma interpretação um tanto grosseira eu resolvi na minha cabeça o teorema complicado que se formou nos últimos meses. Os desencontros entre uma decisão e o tempo que me disponibilizaram, sem me consultar, frequentemente me atormentam. Ao meio dia quero desesperadamente andar de patins, mas chove. Em frente ao teatro, enquanto aguardo o início de um espetáculo, necessito loucamente de uma companhia agradável, mas todos falam ao celular ou simplesmente olham para esse objeto "homo sapiense" aguardando um sinal de, adivinhem, uma companhia agradável. Quero beber uma garrafa inteira de conhaque, fumar alguns cigarrinhos típicos, mas minha boa educação manda que não. E tantas outras necessidades imediatas, não resolvidas, que se acumulam me trazendo uma grande angústia, na maioria das vezes traduzida em irritação ou simplesmente imperceptível no momento. É algo externo a mim e não parte de mim (ele me ensinou também a identificar características supérfluas a qualquer pessoa). Bem, gostaria de voltar homem ou mulher mesmo, mas alguém que tivesse as mesmas necessidades imediatas da Simy. Bem, uma pessoa com as mesmas necessidades que eu não resolveria o meu problema, eu teria os mesmos problemas que tenho. ?????? Está bem, então eu quero mais, quero voltar uma Simy, com alguém que tenha uma grande paciência para me ouvir ler em voz alta (adoro isso) e ache essa idéia extremamente agradável. São alguns exemplos de caprichos meus que deveriam se realizar em uma outra vida. A idéia do tempo a minha disposição não é um desejo meu mas em vez de andar de patins ao meu dia eu poderia, por exemplo, olhar para o lado e resolver que eu queria mesmo era alguém que me ensinasse a fazer origamis a tarde inteira. Eu queria voltar Simy com a vida à minha disposição.



link | posted by Simy at 5:57 PM |


9 Comments:

Anonymous Osimar Medeiros commented at abril 06, 2007 10:40 AM~  

Eu não voltaria.
:)

Tou trampando, consegui um trampo.
Quando cê vem em sumpaulo me ver?
:)
Beijãozão!

Blogger Yvonne commented at abril 06, 2007 12:22 PM~  

Pois eu voltaria Yvonne de novo. Beijocas

Anonymous D. Afonso XX, o Chato commented at abril 06, 2007 10:32 PM~  

Putz, caiu a ficha e te achei novamente. Andava preocupado. beijão

Blogger luma commented at abril 08, 2007 1:42 AM~  

Simy, tenho acompanhado suas postagens pelo bloglines e não imaginava que tinha retornado com o sistema de comentários.
Hoje deu pane lá e tive que acessar o blogue para ler. Grata surpresa!

Essa coisa de voltar, nem sei se gostaria de voltar, mas se assim fosse, seria Luma mesmo, sem algumas quinquilharias.

Feliz páscoa! Beijus

Blogger Brigateando commented at abril 08, 2007 12:25 PM~  

O, mulher, foi mal ter te excluido dos meus favoritos. Reformulei o layout e esqueci completamente, rs! Mas tá lá já.

Bjos

Anonymous Milton Ribeiro commented at abril 10, 2007 11:02 AM~  

Aviso ao Boqueirão: Camus a caminho!

Tens lido livros muito bons, hein? Aqui de longe, este ainda apaixonado pela literatura (aos 49 anos) sorri.

Beijo

Anonymous edu commented at abril 11, 2007 9:40 AM~  

Gostoooosa! Nesta e na próxima vida!

Blogger GUGA ALAYON commented at abril 19, 2007 12:01 PM~  

Parabéns atrasados? beijão
Ainda por esse mundão?

Anonymous edu commented at abril 20, 2007 7:23 PM~  

Pô, Simoca... não adianta "precisar falar" e não dizer como nem onde nem quando, né? Não tenho seu telefone nem nada!

Want to Postar um comentário?

powered by Blogger